terça-feira, 28 de abril de 2009

Ao visitar o blogue da HannaH, resolvi, uma vez mais, visitar o meu baú de memórias escritas. Não sei se fiz bem, porque este baú virtual traz-me à memória a razão de cada palavra expressa. Ainda assim, deixo aqui este estado de alma, com mais de dois anos!



Hoje acordei com a sensação que me perdi,

que não sei quem sou e o que quero;


Hoje senti o vazio profundo de mim,

como que uma pena a levitar sem rumo e sem vontade;


Hoje sei que não me conheço e que sou falível;


Hoje perdi-me no teu olhar,

no momento em que disseste adeus;


Hoje apaixonei-me como ontem,

como a cada instante desconhecido;


Hoje exacerbei-me por quem não conheço,

mas sempre ansiei;


Hoje sinto-me infiel e quero condenar-me por isso;


Hoje quero perder-me na loucura e entregar-me ao pecado;


Hoje quero simplesmente viver para amanhã te deixar

e saciada morrer em ti.

CS



Até amanhã ou depois!


4 comentários:

HannaH Sophia disse...

que lindo...

acho que ja todas passamos por um momento como esse, nao??

ainda bem que te fiz ir buscar essa memória...foi o passado quem nos trouxe ate aqui, e doloroso ou nao, construiu cada pedaço de quem somos.

beijinho

MARIINHA disse...

Only Words:
Muito obrigada pelo teu apoio. Não me esquecerei. Desejo-te tudo de bom. Muitos beijinhos

PP_FANTASMA disse...

Muito bom:)
Keep On writing!

ergela disse...

Obrigado pelo incentivo, não gosto de fazer nada em sacrificío, para isso já basta a minha actividade profissional.

Aceita um beijo (virtual) meu.